Muitas celebridades e profissionais têm falado sobre o preenchimento facial. Mas afinal, quando esse procedimento estético é indicado? Entenda tudo sobre como é feito o preenchimento facial e se essa técnica se adequa a você.

O que é Preenchimento Facial?

Feito com ácido hialurônico,  o preenchimento facial é um dos procedimentos estéticos mais utilizados para suavizar rugas e reduzir marcas de expressão. Também pode ser utilizado para dar volume em regiões como o lábio, olheira, queixo, canto da boca e, principalmente, para tratar da harmonização facial.

ATENÇÃO:

 Preenchimento Facial é  um procedimento seguro, mas que exige um profissional qualificado e que utilize produtos de confiança para a sua realização. O médico dermatologista está qualificado para lidar com as possíveis adversidades e/ou complicações e estuda preenchimento e harmonização facial há mais de 20 anos .

Como é feito o preenchimento facial?

O preenchimento facial é efetuado no próprio consultório médico,  com anestesia local ou tópica. A substância utilizada é injetada com agulhas e cânulas através de diferentes técnicas que atingem diferentes níveis da pele e/ou tecido subcutâneo.

O procedimento costuma demorar de 15 a 30 minutos, e os resultados aparecem imediatamente, melhorando com o passar das semanas. 

Qual a diferença entre ácido hialurônico e toxina botulínica?

A toxina botulínica, ou botox, minimiza e suaviza a força de contração muscular, relaxando as regiões de muito movimento (como testa ou a região ao redor dos olhos) e impede que marcas de expressão se instalem nessas áreas.

Já o ácido hialurônico é responsável pelo preenchimento de locais em que o volume perdido acentua as marcas e linhas de expressão, como nas olheiras, bigode chinês, canto da boca, ângulo da mandíbula, etc. Também pode ser utilizada para aumento de volume e definição do contorno em locais como o lábio, ou rosto murcho e cansado da idade.

Qual o tempo de duração?

A toxina botulínica atua por cerca de 4 a 6 meses, variando conforme a espessura da pele  e o estímulo muscular local. 

OBSERVAÇÃO: 

Repetir o tratamento antes do tempo sugerido pode paralisar o músculo em excesso, ao invés de suavizar sua contração – o que não é o objetivo em tratamentos estéticos.

Já para o ácido hialurônico, existem dezenas de marcas e densidades ou características diferentes, que variam também quanto à sua qualidade, naturalidade e durabilidade. Quanto mais denso, maior a sua projeção e, às vezes, a sua durabilidade. Entretanto, as diferentes densidades são indicadas para diferentes regiões da face e não devem ser eleitas somente pela sua durabilidade. Dependendo do estilo de vida e faixa etária do paciente, a ação de um ácido mais denso pode durar mais de dois anos.

Quem pode realizar o preenchimento facial?

Não há idade mínima para a realização de preenchimento facial. No entanto, o preenchimento facial está contraindicado em algumas situações. 

As contraindicações

Confira:

  • Pessoas portadoras de Lúpus Eritematoso Sistêmico;
  • Gestantes;
  • Lactantes (mulheres em processo de amamentação);
  • Pessoas imunossuprimidas (portadores de HIV, transplantados ou em uso de quimioterapia);
  • Pessoas com alergia a qualquer componente da formulação da substância utilizada no preenchimento facial;
  • Inflamação ou infecção no local a ser tratado
  • Febre e quadro infeccioso atual.

Preenchimento facial dói?

A dor durante o procedimento depende do limiar de dor de cada um. 

O anestésico utilizado costuma reduzir bastante a sensação dolorosa, que para a maioria de nossos pacientes é considerada quase nula ou inexistente.

Utilizamos diversas técnicas para aliviar o medo e reduzir a dor, de forma que quase todos nossos pacientes voltam ainda mais tranquilos para as próximas sessões, quando necessárias.

Algumas pessoas apresentam leve inchaço local, que pode piorar nas nas próximas 24-48 horas, mas é seguido de melhora iminente.

Os cuidados que devem ser tomados no Preenchimento Facial

Alguns cuidados podem ser tomados para prolongar o efeito dos tratamentos faciais 

Dê uma olhada:

  1. Proteja a pele do sol. O uso de filtro solar é essencial para reduzir o fotoenvelhecimento e aparecimento de novas rugas;
  2. Aplique antioxidantes na pele, após o filtro solar. Essas substâncias protegem a pele da poluição e neutralizam radicais livres no local;
  3. Mantenha a pele hidratada. A hidratação preserva substâncias responsáveis pela firmeza da pele como o colágeno e a elastina. 
  4. Mantenha hábitos de vida saudáveis. Além dos cuidados diretos com a pele, uma alimentação saudável pobre em açúcares e farinhas brancas aliada a uma prática regular de atividades físicas é fundamental para uma aparência jovem e redução de radicais livres no corpo. O mesmo vale para evitar situações de estresse e ansiedade.
  5. Não fume. O cigarro envelhece e destrói o colágeno, responsável pela estrutura e firmeza da pele.
  6. Use ácido retinóico regularmente:  barato e a única substância que realmente melhora a qualidade da pele com o passar dos anos.
  7. Pense em bioestimuladores, como Sculptra para melhorar a pele
  8. Procure seu dermatologista para discutir pequenos procedimentos que fazem a diferença.

Ficou interessado nesse tratamento? Você pode tirar mais dúvidas e marcar uma avaliação através do WhatsApp!