como usar o acido retinoico no rosto- dermatologista especialista- São Paulo, Jardim Paulista e Alphaville

Cuidados com o uso do Ácido Retinóico e seus derivados

Um dos mais prescritos medicamentos do receituário dermatológico é o ácido retinóico e seus derivados.

“O mais honesto e potente agente regularizador da epiderme, anti- aging e produto para melhorar rugas e linhas de expressão até hoje, 2017″

Inúmeros cosméticos de empresas de referência, nacionais e internacionais,  utilizam variações como retinol, retinaldeido, retinil, palmitato de retinila e etc…
São derivados do mesmo ácido, mas com propriedades irritativas e cosméticas mais fracas.
Por isso são chamados cosméticos ou cosmecêuticos.

O dermatologista é habilitado a formular o ácido retinóico. Desta forma, deixe de ser um cosmético e passa a categoria de medicamento.
A forma pura do ácido retinóico, manipulada,  pode ser 20 vezes mais potente que cremes cosméticos, mesmo os importados ou os cremes com preços acima de 300 reais.  

As farmácias de manipulação retêm a receita ou não repetem a fórmula. Propositadamente, pois o uso do produto deve ter acompanhamento médico.

O uso do ácido retinóico pode irritar a pele.  Não é uma alergia, é uma irritação. Geralmente por pele sensível ou uso incorreto.

Nós dermatologistas NAO QUEREMOS QUE USE ÁCIDO E FIQUE COM A PELE IRRITADA OU DESCAMANDO.

Leia abaixo sobre o uso correto do ácido retinóico.
Como o ácido retinóico pode irritar a pele ( é normal no começo para algumas pessoas), até a pele se acostumar, é importante usá-lo corretamente:

  1. O produto deve ser aplicado na pele seca, pouca quantidade e por toda a região. Não deve ser aplicado após o banho ou imediatamente após lavar o rosto. Deve-se esperar uns 30 minutos. Produtos aplicados com a pele úmida absorvem mais,  e o ácido já é absorvido naturalmente. Irrita mais facilmente se usá-lo após o banho.
  2. Se observar leve irritação, ou descamação, pare imediatamente de usar e retome após 5-7 dias. Inicialmente use noites alternadas por uns 10 dias e, à medida que a pele se acostuma, todas as noites.
  3. O ácido retinóico perde seu efeito na luz do sol, por isso deve ser aplicado à noite antes de dormir.
  4. Na maioria das vezes será recomendado um protetor solar durante o dia, mas nem sempre. Portanto siga a orientação que demos.
  5. Se for à praia ou piscina no fim de semana, pare de usar o produto na quinta feira e retome domingo à noite.

Siga as orientações cuidadosamente e aproveite os benefícios.

 

Obs: os efeitos do ácido retinóico começam a aparecer depois de 3 semanas, bem rápido…

Clínica Wulkan – Dr. ClaudioWulkan, dermatologista especialista- São Paulo, Jardim Paulista e Alphaville

como usar acido retinoico sao paulo  osasco dermatologia estetica botox e restylane